Secretarias e Órgãos
Telefones úteis
Redes Sociais

Calendário
Maio 2018
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2
Noticias
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Uece prospecta R$ 2,3 milhões para custeio em campi do Interior em 2018
PDF
Imprimir
E-mail
Qua, 16 de Maio de 2018 10:57

 

alt

 

O Comitê de Gestão por Resultados e Gestão Fiscal (Cogerf), do Governo do Estado, autorizou o repasse de R$ 2,3 milhões, somente em 2018, para garantir o custeio de equipamentos nos campi da Universidade Estadual do Ceará (Uece) no Interior.

Para o campus avançado de Mombaça, serão R$ 305 mil para o funcionamento da unidade. Além disso, estão em negociação R$ 600 mil neste ano para reforma e mobiliário do prédio e aquisição de veículo. Em 2019, estão assegurados mais de R$ 600 mil para custeio da unidade.

 

alt

 

Outro R$ 1 milhão vai ser repassado, a partir de agosto, para o início do funcionamento do Restaurante Universitário (RU) da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos (Fafidam), em Limoeiro do Norte, que completa 50 anos de fundação.

Já a Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Iguatu (Fecli) vai ser beneficiada com quase R$ 360 mil para implantar o Refeitório Universitário do campus a partir de julho.

Com o intuito de dar continuidade às atividades do novo campus do Centro de Educação, Ciências e Tecnologia da Região dos Inhamuns (Cecitec), foi firmado um repasse de cerca de R$ 485 mil somente neste ano.

Além disso, ficam garantidos quase R$ 4,8 milhões para o custeio desses equipamentos para 2019. A Uece conseguiu ainda aporte financeiro de R$ 3,8 milhões para liquidar as Despesas de Exercícios Anteriores (DEA) relativas a 2017, zerando os débitos existentes e garantindo o equílibrio financeiro da instituição. O objetivo é chegar ao final do ano sem déficit nas contas.

Os recursos prospectados  são oriundos do Monitoramento de Ações e Projetos Prioritários (Mapp), do Governo do Estado, que se divide em “Mapp Gestão” e “Mapp Investimento”. Este busca garantir recursos para a construção de novos equipamentos. Já o Mapp gestão prevê os valores necessários para o custeio de funcionamento. Já foram beneficiados no Mapp, por exemplo, o Hospital Veterinário, o Restaurante Universitário e o Complexo Poliesportivo (ambos no campus Itaperi) e a Fazenda de Experimentação Agropecuária Dr. Esaú Accioly Vasconcelos, em Guaiuba.