Secretarias e Órgãos
Telefones úteis
Redes Sociais

Calendário
Agosto 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
30 31 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2
Noticias
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Programa de estágio para graduandos estimula vocação para carreira científica
PDF
Imprimir
E-mail
Seg, 07 de Agosto de 2017 12:12

 

Até 15 de agosto, estão abertas as inscrições do programa de estágio para estudantes de graduação Aristides Pacheco Leão de Estímulo a Vocações Científicas da Academia Brasileira de Ciências. Apoiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e organizado pela Academia Brasileira de Ciências (ABC), o programa tem o objetivo de estimular a vocação científica entre estudantes universitários.

Podem se inscrever graduandos de instituições de educação superior (IES) brasileiras das áreas de Ciências Biológicas, Biomédicas e da Saúde, exceto dos Estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul. Inscrições devem ser feitas por meio de formulário eletrônico. A seleção será feita pela ABC, e a divulgação do resultado está prevista para 11 de setembro.

Cada um dos 30 estudantes aprovados vai participar de estágio remunerado em laboratório dirigido por membro titular da Academia Brasileira de Ciências no período de 8 de janeiro a 8 de fevereiro de 2018, em regime integral. A CAPES vai custear diárias para manutenção do estagiário e passagens de ida e volta. Concluintes do estágio recebem certificado da ABC.

Aristides Pacheco Leão

O programa de estágio, criado em 1994, homenageia o professor emérito e neurofisiologista fluminense Aristides Pacheco Leão (1914-1993). No ano de 1944, Leão descreveu um fenômeno cerebral até então desconhecido, a depressão alastrante (spreading depression), uma redução da atividade elétrica do córtex causada por estímulo artificialmente produzido. Professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro, o pesquisador presidiu a Academia Brasileira de Ciências de 1967 a 1981.

Acesse a página do programa.

 

Fonte: CAPES