Secretarias e Órgãos
Telefones úteis
Redes Sociais

Calendário
Setembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
Noticias
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Nota Pública da Reitoria da Uece em Defesa da Democracia
PDF
Imprimir
E-mail
Sex, 25 de Março de 2016 23:14

 


Por séculos as universidades têm sido o centro de novas idéias, fomentando o conhecimento e as diversidades de percepções sobre a realidade. O debate, embasado na racionalidade e no respeito mútuo, é o sangue que mantém viva a liberdade de expressão. Quando as pessoas são movidas exclusivamente pelas paixões, a liberdade corre riscos e com ela o que chamamos de convivência civilizada, republicana, democrática.

Mais recentemente vivemos 21 anos de ditadura civil-militar onde as liberdades e o Estado de Direito foram cerceados. O preço contabilizado, nós o sabemos bem, muitos inclusive pagaram com a própria vida. Porém, finalmente, chegamos a uma situação onde as garantias constitucionais foram retomadas e os direitos humanos fundamentais tornaram-se de fato direitos regulados por legislação democraticamente construída, vivendo uma prática irregular, precária, mas em consolidação e expansão.

Entendemos que no atual momento essas garantias e direitos encontram-se ameaçados por conflito político que dicotomiza posições e acaba sendo norteado muito mais pela força das paixões e menos pela razão. É preciso respeitar a normalidade democrática. É preciso dar força ao diálogo que acolha a diversidade.

Então, é preciso opor-se aos que querem a destruição da diferença e da contestação. Caso prevaleçam os que ofendem a normalidade democrática e o diálogo, mesmo na crise, estaremos destruindo o Estado Democrático de Direito e o trocando por um sistema político que flerta com a barbárie, um autoritarismo com fachada legal, e que estimula um Estado Policial que solapa as liberdades individuais.

Por isso, a Reitoria da Universidade Estadual do Ceará conclama a sociedade para que defenda as liberdades instituídas pelo Estado Democrático de Direito e que encontre, na prática política da normalidade democrática, a convivência republicana necessária.

Fortaleza, 25 de março de 2016
(Dia da Abolição da Escravatura no Ceará)

 

José Jackson Coelho Sampaio         Hidelbrando dos Santos Soares
 Reitor da Uece                            Vice-Reitor da Uece