Secretarias e Órgãos
Telefones úteis
Redes Sociais

Calendário
Março 2021
D 2a 3a 4a 5a 6a S
28 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3
Conheça o Programa
MESTRADO ACADÊMICO INTERDISCIPLINAR DE HISTÓRIA E LETRAS

A atuação da UECE no Interior do Ceará tem sido marcada historicamente pela formação de professores para a Educação Básica e esse trabalho, como sabemos, é o alicerce do desenvolvimento de todo o processo de crescimento econômico e social do Estado, já que é fundamental para a formação profissional do povo cearense.
Diante da demanda local, é importante salientar a oferta exclusiva de cursos de licenciatura na FECLESC em várias áreas. Fato idêntico ocorre em outros campi da UECE no interior do Estado do Ceará. Existem alunos graduados que buscam a pós-graduação em áreas do ensino e educação, além de outras áreas relacionadas aos cursos dos quais se graduaram. Uma parte desses alunos migra para a capital do Estado ou até para outras regiões do país em busca da continuidade da sua formação, já que tanto a quantidade de vagas, quanto a diversidade de áreas em Programas de Pós-Graduação no interior do estado é insuficiente para atender à demanda. Compreendemos que esta situação contraria o objetivo do processo de interiorização do ensino superior no país. Dessa forma, compreendemos que esta proposta vem ao encontro de uma necessidade existente para a continuidade da formação docente da região do Sertão Central do Ceará, e de outras regiões vizinhas, possuindo, portanto, o apoio institucional dos gestores municipais.
Considerando a demanda dos alunos da UECE nos diversos campi, sobretudo dos cursos de graduação que apresentam maior afinidade teórica (Letras, História, Ciências Sociais, Serviço Social, Pedagogia e Filosofia, etc.), com a proposta do programa do Mestrado que aqui apresentamos.
Assim, foi criada uma comissão (portaria 2967/2014) composta pelos professores: Ana Maria Pereira Lima (FAFIDAM/UECE), Expedito Eloisio Ximenes (FECLESC/UECE), Isaide Bandeira da Silva (FECLESC/UECE), Liduina Maria Vieira Fernandes (FAFIDAM/UECE), Noelia Alves Souza (FECLESC/UECE) e Vânia Maria Ferreira vasconcelos (FECLESC/UECE).
A proposta é encaminhada à CREDE/SEDUC, aos prefeitos e secretários de Educação da região para apreciação e busca de apoio, no que é prontamente atendido. O curso é aprovado no CONSU em 20 de julho de 2015, Resolução 1185/2015.
Em 16 de dezembro de 2015, a CAPES autoriza o funcionamento do curso, atribuindo-lhe nota 3 e tecendo valorosos elogios à proposta de interdisciplinaridade e ao corpo docente do programa.